Feira de Artes, Ofícios e Sabores – Vimioso
18 de Dezembro de 2013 – 10:52 | Comentários desligados

O certame engloba várias vertentes, do Artesanato aos Produtos Regionais, incluindo o concurso de Doçaria da Castanha, mas também Atuações Musicais, Montaria ao Javali e Raid TT.

Leia o artigo completo »
Roteiros e Destinos

Património natural, património construído, cultura, tradições, gastronomia, muitas são as razões para visitar o nordeste transmontano. Uma região com um enorme potencial turístico que vale a pena explorar.

Gastronomia e Vinhos

A gastronomia nordestina é marcada por pratos fortes, carregados de sabor. As carnes de raças autóctones e certificadas dominam a mesa transmontana, onde não faltam os excelentes vinhos do Douro.

Cultura e Tradições

A região nordestina soube como poucas preservar a sua cultura e tradições: as festas tradicionais comunitárias, as comemorações dos solstícios, os caretos, os pauliteiros, são apenas alguns exemplos

Património Natural

Um verdadeiro santuário natural, com três espaços protegidos: o Parque Natural de Montesinho; o Parque Natural do Douro Internacional; e no coração do nordeste fica o Parque Natureza do Azibo.

Economia e Empresas

Numa zona essencialmente rural a economia assenta na agricultura de subsistência complementada com actividades que começam a ganhar dimensão: a pecuária, a produção de castanha e alguma indústria

Início » Novidades

Negócios e tradições na Feira Franca da Moimenta

Enviado por em 24 de Abril de 2012 – 11:23Comente

MoimentaEstá à porta mais uma edição da Feira Franca da Moimenta, no concelho de Vinhais. Nos próximos dias 28 e 29 são inúmeras as actividades que dão vida a esta aldeia raiana. O certame atrai pessoas de diversos pontos da região e espanhóis, que procuram os produtos genuínos daquela localidade do concelho de Vinhais.

Destaque para o concurso de cães de raça Podengo, no sábado, e para o concurso do Cão de Gado Transmontano no domingo.

No último dia do certame, a Moimenta recebe, ainda, o III concurso concelhio de ovinos da raça Churra Galega Bragançana. A tradição cumpre-se com a realização de mais uma chega de touros de raça Mirandesa.

A feira conta, igualmente, com uma exposição de máquinas agrícolas, artesanato e produtos da terra, não faltando o afamado fumeiro.

No domingo realizam-se também duas provas desportivas, nomeadamente o passeio BTT e o percurso pedestre na Rota do Contrabando Ibérico.

A gastronomia típica é assegurada nas tasquinhas e há animação para os visitantes com fados e música popular.

 Comentários estão fechados